Deixa a gente adivinhar… Assim que vocês, noivinhas Zárex, se casaram, logo começaram a pedir ao fotógrafo que enviasse as fotografias do casamento, não é verdade? Mas depois que as recebeu, você simplesmente não conseguia escolher as melhores para fazer o álbum de casamento! Certo? Esta situação é comum, não se preocupe! Mas nós listamos algumas dicas para ajudar na organização desse registro fotográfico, perfeito para relembrar cada segundo deste dia tão especial. Para aquelas que ainda estão planejando todos os detalhes do casamento, este post é extremamente útil já que traz dicas que com certeza irão lhe ajudar.

Seu álbum de casamento não deve ser pensado para os convidados, e sim para o casal. Ele deve contar a história toda do dia da cerimônia, do início ao fim. Por isso, um planejamento organizado é perfeito para não perder tempo no dia e também não deixar nada passar em branco. Seu álbum deve ser “equilibrado”: o making-of é a expectativa, a cerimônia é a emoção e a festa é a descontração!

1. Antes mesmo do casamento, organize uma pequena lista das fotos que não podem faltar:

– Making of

– Entrada do noivo, da noiva, dos padrinhos, das daminhas, das alianças

– Noivo sozinho com seus pais

– Noiva sozinha com seus pais

– Os avós dos noivos

– As duas famílias reunidas (com os pais e avós)

– Todos os padrinhos

– Fotos do casal

– Primeira dança dos noivos

– Detalhes: o buquê, a decoração, as alianças

 

 

 

2. No grande dia, é importante que o fotógrafo saiba quem são os familiares e amigos mais próximos, assim ele poderá ter tranquilidade para realizar seu trabalho. Geralmente as fotos mais marcantes são as feitas nos momentos de muita emoção. A espontaneidade sempre rende registros maravilhosos!

3. Assim que você receber o material do fotógrafo, salve as fotos em seu computador. Uma boa dica é organizar em pastas de acordo com cada momento: making of, cerimônia, festa, ensaio. Por exemplo: entrada do noivo, entrada dos padrinhos, entrada da noiva… Depois de separá-las, analise as fotos de cada momento, já escolha as que mais gostar e apague as outras! Assim você evita novas futuras dúvidas 😉

Natalia Ferreira

A benção das alianças é realmente inesquecível

 

 

 

4. Na hora de selecionar as fotos, procure contar uma história desde o making of até a festa. Por isso é importante não deixar nenhum momento sem registro. Para escolher um número de fotos compatível e adequado, a sugestão é:

– 10% de fotos do making og

– 30% da cerimônia

– 30% dos protocolos (corte do bolo, brinde, padrinhos, destalhes)

– 30% de fotos da festa

 

5. Peça ajuda ao seu fotógrafo: faça uma seleção inicial e leve para ele ver. A maioria dos fotógrafos se dispõe a ajudar nesse processo, com um olhar mais profissional e técnico do que o dos noivos, que tem uma visão emocional. Ele vai indicar as fotos que estão com uma iluminação melhor ou com um ângulo que valoriza. Um álbum bem montado é um álbum editado, que narra os momentos mais importantes da história.

6. Indique o estilo de diagramação que deseja. A disposição visual, os elementos gráficos e as cores presentes em seu álbum de casamento devem estar alinhadas com a personalidade do casal. Mais uma vez, as palavras-chave aqui são exclusividade e personalização! Um belo álbum é para durar para a vida toda, portanto o ideal é que seja clássico e elegante. Cuidado com os exageros: a intenção é mostrar a beleza da foto e não da montagem.

 

Muitas lindas fotos que acabaram não entrando em seu álbum podem ser reveladas e enviadas para seus convidados como uma forma de agradecimento. Nenhum momento deve ser deixado de lado: as fotos de um álbum de casamento tornam-se verdadeiras preciosidades de um dia muito feliz. Capriche!

 

Agora conta pra gente: como você organizou o seu álbum de casamento? Tem alguma dica para compartilhar também?

 

Um beijo da Equipe Zárex!

Desenvolvido por WD Sites - Criação de Sites!